Empreendedorismo

Como escolher os KPIs de gestão do seu Pet Shop

Qualquer empresa possui uma série de desafios na hora de ser administrada e com um pet shop a coisa não é diferente. Esse tipo de empreendimento evolve uma alta complexidade, pois nele é preciso lidar com pessoas, animais, serviços e produtos.

Por essa razão, toda estratégia que ajude a conferir mais precisão e controle deve ser bem-vinda. E uma das maneiras de conseguir isso é usando KPIs de gestão. Você sabe o que é isso? Se ainda tem dúvidas, não deixe de ler o post que preparei para hoje. Nele, vou explicar tudo o que você precisa saber sobre esses indicadores. Confira:

O que são KPIs?

A sigla KPI vem do inglês e quer dizer Key Performance Indicator. Numa tradução livre, isso é algo como indicador-chave de desempenho, ou seja, são métricas que podem ajudar a avaliar a performance da empresa e dos funcionários, auxiliando os gestores na conquista de uma análise precisa do comportamento do negócio. Eles são utilizados em diversas áreas, mas num pet shop podem ser ainda mais interessantes, pois trazem consigo a chance de obter informações que podem contribuir sensivelmente para a melhora dos resultados.

Como escolher KPIs adequados?

Cada empresa e cada área possui KPIs característicos, que podem ajudar numa gestão muito mais eficiente. Para escolher, é preciso levar em conta tanto o tipo de negócio quanto a cultura organizacional. Você pode focar em indicadores que tragam informações sobre os clientes, sobre os funcionários e que permitam comparar se a empresa está se desenvolvendo como o previsto ou se está enfrentando problemas maiores do que os esperados. Na gestão do pet shop, certamente existem algumas métricas que podem ser muito úteis.  

Exemplos de KPIs para pet shops

Você pode se basear em KPIs comuns em empresas de diversos setores ou até mesmo criar alguns que atendam às suas necessidades. O importante mesmo é fazer com que você consiga dados essenciais para analisar o funcionamento e possa compará-los posteriormente.

Um KPI interessante para um pet shop é o “número de novos clientes”. Esse indicador serve para mostrar quantas pessoas novas estão chegando até a sua empresa. Se ele estiver baixo, isso pode significar que suas estratégias de marketing não estão funcionando como deveriam. Já se o número estiver aumentando, pode ser hora de pensar em novos funcionários ou na melhoria da eficácia dos seus processos internos.

A “taxa de conversão” é outro KPI muito comum. Ele é feito através de um cálculo simples: quantas vendas aquele funcionário realizou para quantos clientes ele atendeu. Uma baixa taxa de conversão pode indicar a necessidade de treinamentos ou de uma boa conversa para entender o que está acontecendo. Já se esse número for elevado, você não tem com o que se preocupar.

A “satisfação dos clientes” também pode ser um KPI muito útil em um pet shop. Na verdade, é esse indicador que efetivamente mostra se sua equipe de vendas está afinada. Crie canais de comunicação com seu público: deixe uma caixinha de sugestões, mande e-mails ou faça pesquisas de satisfação. Após analisar esses resultados, você compreenderá se o seu empreendimento está cumprindo bem o seu papel ou se é hora de fazer mudanças nos processos que estão em prática até então.

Mais importante do que ter uma dezena de KPIs, é utilizar sabiamente as informações que eles lhe trarão. Muitas vezes poucos indicadores bem utilizados podem fazer uma grande diferença! Se você gostou do conteúdo e quer se informar ainda mais, confira também esse outro artigo que preparei sobre os maiores desafios do dia a dia do pequeno empresário!

 

Read More...