Empreendedorismo, Empresário e Pessoa física

Entenda a importânca da análise de mercado antes de abrir seu negócio

A gestão de uma pequena empresa é uma experiência desafiadora e muito interessante, que nos faz pensar em várias possibilidades e nos abre oportunidades que nunca havíamos cogitado antes. São inúmeros os caminhos que podem ser seguidos: você pode lançar um produto novo, abrir uma filial, ser um franqueado etc.

Mas, antes de colocar tudo isso em prática, é importante organizar as ideias, colocar tudo em seu lugar para que você possa fazer um trabalho objetivo e com mais chances de prosperar. Para que tudo saia nos conformes, você pode fazer uma pesquisa de mercado para dar passos precisos e investir com a certeza do retorno financeiro! Separei para você ótimas dicas que vão te ajudar nessa etapa, acompanhe:

Afinal, o que é pesquisa de mercado?

Esse tipo de pesquisa tem como objetivo a tomada de decisões estratégicas.  Uma pesquisa de mercado te ajudará a conhecer e, dessa maneira, entender seus potenciais clientes, assim como seus concorrentes, e analisar as pessoas realmente querem pagar pelos serviços ou produtos que você oferece.

Primeiro, é importante que se defina o problema, quais são os objetivos da pesquisa e como seu plano será desenvolvido. Através da coleta e análise de informações, é mais fácil identificar o que as pessoas precisam e pelo que elas estão dispostas a pagar.

Duas possíveis formas de fazer a pesquisa

Há, basicamente, duas possíveis formas de fazer a pesquisa de mercado. Na pesquisa primária, os dados são coletados exclusivamente para sua empresa, o que pode te dar uma boa ideia sobre qual é o perfil do seu cliente, entre outras informações importantes. Essa pesquisa pode ser qualitativa ou quantitativa.

Se optar pela pesquisa qualitativa, você apresenta uma amostra do seu trabalho ou produto para possíveis consumidores e eles avaliarão imediatamente após o uso. Já na quantitativa, trabalha-se com indicadores numéricos que seguem critérios estatísticos. Dentre algumas das vantagens da utilização desse método estão a coleta e medida de opiniões, preferências e atitudes.

A pesquisa secundária diz respeito à utilização de dados que já estão disponíveis, que já foram coletados com outros objetivos, mas que poderão ser úteis para você. Essas informações podem ser encontradas em diversas fontes, como em jornais, revistas, internet, sites do governo, especializados e de associações. É fundamental que se analise os dados coletados. Atente-se aos relatórios que não citam fontes, pois eles são muito suspeitos! Fique de olho na data de publicação para não pesquisar fontes ultrapassadas e opte por sites oficiais, com reputação e com informações consistentes.

O que você procura?

Antes de iniciar a pesquisa, defina seus objetivos, quais respostas você está procurando. Escolha o melhor método e pense no que você precisará para fazer a pesquisa (quanto de dinheiro pretende gastar, de quantas pessoas vai precisar etc.). Caso escolha a pesquisa primária, como as pessoas serão abordadas e quais serão as perguntas-chave. Formule também uma maneira de divulgar a pesquisa.

Ao definir um público-alvo, pense nas pessoas para as quais você pretende oferecer seu produto. Quanto mais informações tiver sobre elas, melhor será sua situação. Identifique suas características gerais, como idade, sexo e renda; depois identifique os interesses e comportamentos, como a frequência que o público-alvo utiliza seus serviços e onde costumam adquiri-lo. O próximo passo é saber o que os leva a consumir: seria o preço? A marca? A forma de pagamento?

Saiba também quem são seus concorrentes, pois assim você conseguirá identificar as deficiências e vantagens que eles oferecem e, a partir daí, definir seus próprios pontos fracos e fortes. Você também evitará cometer os mesmos erros que eles. Isso pode ser feito, por exemplo, fazendo um quadro comparativo da sua empresa com outras que atuam no mesmo ramo que você.

Pesquise sobre possíveis fornecedores, onde estão, quanto tempo demora para o produto ser transportado e custos em geral. Isso te dá uma ideia de quanto terá de gastar inicialmente.

Seguindo essas etapas e fazendo uma boa pesquisa de mercado, sua empresa será um sucesso! Para saber mais dicas de planejamento para o seu negócio, confira o nosso artigo sobre como fazer o planejamento financeiro para 2015.

You Might Also Like